[Valentine’s Day] Hora de Dizer “Eu Te amo”

A amizade é um amor que nunca morre.

Há um ano atrás começamos um grupo no aplicativo WhatsApp. O intuito era ir aos poucos conhecendo os lugares mais bacanas pra curtir um Rock’n roll.

O grupo foi crescendo, graças a Deus não ficamos apenas nessa de “Rolê Rockn roll” nossa amizade cresceu e hoje somos amigos mesmo.

O Dani já está comigo desde 2000 yep! Somos amigos desde os primórdios, mas eu casei e sumi, rs. (Assim que meus neurônios voltaram a funcionar, tive o prazer de o reencontrar)

As meninas Rafa, Nat e Raquel vieram de herança através desse meu amigo phodaaahhhh.

Daí hoje eu estava pensany* poutaqueopareola será que vai rolar bad de dia dos namorados porque né, nóis* tá solteira…. Whatever!

Não rolou nada de Bad, eu pego o celular e vejo nossas fotos, lembro que ao lado dos amigos não tem a pohammmm da “DR” que é a coisa mais chata que existe, não tem as patifarias de cobranças irritantes. E quando saímos não tem briga “Ah, porque você saiu com essa roupa, para de beber, aquele cara tá te olhando…. Ah vá!

Zentiiiiiiii…. Claro que acontece de a gente querer um carinho diferenciado. Porém, dá sim pra ser feliz sem a necessidade de ter um par.

Às vezes parece meio que obrigatório estar com alguém, parece que estamos pecando quando dizemos: “Estamos felizes solteiras” E pasme, quase ninguém acredita que saímos apenas pra nos divertir uns com os outros , cantar, beber um pouco e tirar as nossas fotos engraçadas. Mas é isso mesmo!

Nada contra encontrar alguém bacana, mas quando conseguimos deixar isso como um “extra” na nossa vida, tudo fica mais leve!

O importante é que todos consigam ir para o rolê, a grana pra cerveja (detesto cerveja, mas bebo uma pra acompanhar) grana pro pedágio, encontrar um jeito do nome ir pra lista, hahahahaha. A diversão começa dias antes na escolha do lugar e como vamos fazer pra dar certo.

O que eu queria com esse POST? Ensinar que a vida não se resume em “ser par de alguém” mas em estar com pessoas que te fazem bem! Seja da sua família ou amigos…

A vida passa tão rápido, tem tantos lugares bacanas pra gente conhecer. Tem tanta gente com quem podemos dividir a nossa vida, nossos sentimentos, trocar experiências e desse jeito fazer diferença um na vida do outro! Melhorar como pessoas!

Nada melhor do que a segurança de uma amizade. Poder ser quem você é e não ter medo dos julgamentos, dos três tapas na cara quando necessário porque claro, vai rolar as conversas mais sérias, os conselhos, mas sempre com aquele amor que às vezes é maior do que o que você teria de um(a)namorado (a) ou até mesmo alguém da família.

Então, nesse dia de São Valentim, o meu eu te amo é para o meu amigo e amigas que têm segurado minha onda, com muito bom humor e carinho.

Quero dizer assim pro Mundo saber EU AMO VOCÊS! Obrigada por cada sorriso, cada risada escrachada, cada conselho, abraço, foto doida, ajuda, companheirismo.

Desejo que Deus abençoe vocês e que retribua toda essa bondade em forma de amizade.

Espero que tenham aprendido a lição aqui dessa ruiva apaixonada pelos amigos 💘

Um beijo

ReSanolli

Anúncios

[Just Me] Relacionamento Abusivo não tem nada de bonito

Você acha que é o amor da sua vida, alguém maravilhoso demais. Mas é só alguém te manipulando fazendo você pensar que não é boa o suficiente.

IMG_20170305_173435

Você que acompanha o meu blog viu a “chuva de textos lindos” que eu escrevi ano passado. (Foram retirados da web porque eu acho que não devo dar Ibope pro Ka petah)

MEODEOULS confesso até eu, quando abria a página do meu blog via escorrer lágrimas da tela do meu computador de tanta “bad” Mas faz parte, faz parte de mim e do meu jeito de “me curar” eu escrevo para colocar tudo pra fora, é totalmente necessário! E fiz! Eu achava que estava amando, não lembrava o que era essa merda toda chamada “Paixão” faz tempo que não tenho 15 anos, rs

Pois é, vivi uma loucura total, sério, era insanidade disfarçada de sentimento. Quando acordei percebi que eu sempre fui muito mais do que “aquele ser vivo” merecia e só me envolvi porque estava carente o suficiente para aceitar tão pouco! Quase nada, quer dizer aceitar toda aquela humilhação.

Você pode pensar:

  • Tá cuspindo no prato que comeu.
  • Lá vai uma rejeitada se rebelar

E, na verdade pouco me importam hoje as opiniões sobre o porque eu estou aqui mais uma vez “contando um causo” fato é que esse meu “bloguezinho” já ajudou muita gente e isso é o que me dá coragem para expor minhas experiências! Quem me conhece sabe muito bem que meu lema é : Se eu sei que posso ajudar e não ajudo, me sinto pecadora!

Então, talvez você aí esteja num relacionamento abusivo, não sabe, ou até sabe mas acha que não vai conseguir sair dessa, mas eu posso te dizer com muita propriedade: VAI CONSEGUIR QUANDO VOCÊ DECIDIR! Quando você se reconhecer como uma mulher incrível e que não precisa de ninguém no sentido “relacionamento amoroso”! Vai sair e vai ser feliz outra vez!

Era uma noite de sexta feira e eu estava um caco, recém divorciada e tinha brigado com homem mais importante da minha vida “meu pai” eu só queria sair do meu quarto, desligar um pouco a Netflix e fazer algo diferente.

Pois é, meses e meses apenas assistindo séries, uma vida baseada em fazer coisas para agradar a sociedade que precisava de uma Rejane certinha, mãe dedicada, trabalhadora, bela, recatada e do lar. Que se importava “com o que iriam pensar sobre mim” Cara! Eu sou a única divorciada numa família inteira (dos dois lados) filha de pastores, irmã de pastor, frequentava e fazia parte de uma igreja.

Confesso, eu estava cansada de ser insuficiente! E fazer tudo como manda o figurino e ainda assim, ser julgada por um “erro” que eu  não havia cometido sozinha. Sobre o divórcio “eu fui chifrada pra caramba” ele também me fez mudar e ainda assim não foi suficiente. Pasme, sim. Foi um relacionamento abusivo, durou sete anos e eu sai *zuadinha, viciada em anti depressivos e remédio para dormir. Gorda, triste, feia, desacreditada, viciada, desempregada. Eu mudei o perfume, parei de usar maquiagem, usava roupas de mulheres velhas, deixei de lado minhas tatoos, piercings, meu rockn roll, meus amigos e até de conviver com a família, Foi tudo sutil! Eu acabava concordando que era burra, feia, desorganizada, chata, e acho que me tornei insuportável.

Porque eu não me amava. A única coisa que me fazia sorrir era minha filha. Afastei meus amigos e não queria ninguém em casa. Passou, cresci, perdoei, hoje sou amiga dele e ele me ajuda bastante! Percebi que nós dois erramos! De maneiras diferentes…mas os dois erraram.

fb_img_15118785961161394620632.jpg

PAUSA NA HISTÓRIA PARA REFLEXÃO

Entenda, quando você muda por causa de alguém você não será feliz! NUNCA, sabe por que? Porque tudo o que te faz ser “você” vai ser retirado, e você não será mais você! OBVIO! Se para você ser feliz é necessário suas manias, roupas, sapatos, música… e isso é julgado pelo seu parceiro/parceira como algo ruim e por causa disso você precisa deixar de lado, como é que você vai continuar sendo feliz sem o que te fazia ser feliz?

De verdade, hoje essa Rejane aqui seria incapaz de “se deixar” por qualquer pessoa. Já vi que não vale a pena. Essa coisa toda de se tornar alguém melhor por causa de homem, ler livros de como conquistar homens, chegam a me dar nojo! Que vida de merda ter que melhorar para conquistar alguém! Ter que ler, fazer workshop, curso, terapia… desculpa, mas hoje eu busco a felicidade em mim. O que for para *ME fazer feliz é o que eu quero!

Você pode até estar pensando ” Ela endoidou e está virando essas feministas doidas” Bom, continuo me depilando “Por que eu gosto” eu me sinto bem, eu quero! Rs

Mas sim, hoje eu luto pelo que penso e pelo que acho que mereço!

Tudo o que eu faço hoje é por mim! Eu me arrumo com minha roupas pretas e sapatos estranhos, uso glitter em tudo, penteio meu cabelo quando quero e uso maquiagem no dia que acordo com vontade. É tudo sobre mim agora!

Voltando…

Saí nessa sexta com vontade de fazer merda, foi isso mesmo que disse para uma amiga. Plano traçado e plano concluído com sucesso.

Foi uma merda desde o começo, porém eu estava encantada com um moleque patético. Que se dizia “cristão conservador” Que grande piada! Shame on you!

Essa é minha opinião hoje, é o que acho! Mais patética ainda fui eu por ter feito parte desse relacionamento bosta!

Meninas, nunca ignorem os sinais! Eu sempre soube mas quando você tá carente qualquer bosta serve! Sabe esses memes que *viralizam na internet sobre relacionamento bosta, sobre homens que não te assumem porque têm um monte, sobre o cara ter ciúmes porque tá fazendo merda “TUDO VERDADE”

O cara se achava! Músico – Baterista, se você se encantar por um baterista já logo me pergunta que eu te falo se é o “Purple Demon” – Apelido carinhoso, que dei* rs Mas, já fica a dica, se você receber um maldito coraçãozinho roxo, é ele!

Como não existe ligações entre nós nessa vasta Web, retirei tudo sobre ele e a banda da minha vida virtual,  decidi contar que é logo baterista pra tentar salvar as amigas, olha tenho muitos amigos bateristas, que eu amo de paixão, então que fique claro, não tem a ver com a profissão, mas com o caráter! Porém, tô traumatizada com os músicos, desculpem me amigos! Foi primeiro e último, rs

Voltando….  Músico,  todo cheio de estilo, uma ótima lábia ( se você está carente, se você não está acha patético) ManooOOOOOOOoooooo

Hoje eu chego a rir do “estilo”, das bobeiras que escrevia e do papo chato pra %$#@! Tédio! Preguiça! Não vou mentir, até que o boy era bonitinho, mas, pra uma mulher como eu, era totalmente insuficiente.

*Carentinha, na bad, na seca, rs. Foi fácil me apaixonar! E ficar cega, 100ôr que cegueira! Sabe aquilo que falam ” quando você tá carente se apaixona pelo primeiro idiota que aparece” bem isso! Esqueci a mulherona que eu era e me apaixonei. BURRAAAAAAAA pra caralho ( desculpem o palavrão mas só esse termo coloca força no tamanho da burrice) Me entreguei de todas as formas e fiz tudo por um moleque. Gastei minha alma, dinheiro, tempo. Deixei de fazer coisas que queria, de ir em lugares que tinha vontade, pensava até no que ia postar com medo de ser julgada!

SIM, ele me enchia o saco por tudo! Se eu não respondia uma mensagem que foi enviada as 2 da manhã era porque eu estava fazendo merda, se eu via meu whatsapp as 10 da noite no sábado e só olhava depois as 11 da manhã no domingo era porque eu estava fazendo merda ( Eu não durmo viu) se eu curtia um comentário de um cara nas minhas redes sociais era porque eu estava dando mole, se eu fazia uma nova amizade no facebook era porque eu estava “querendo”, se eu postava uma foto minha era porque eu era “Caçadora de likes” Se eu estava numa festa era porque eu estava “caçando alguém pra me comer” Se eu saia com as amigas é porque eu estava “caçando alguém pra me comer”

Caramba, uma vida baseada em caçar alguém! rs HILÁRIO! Hummm caçadora! Agora eu dou risada! Mas, quando esse tipo de mensagem chegava eu perdia o sono, chorava e quase concordava que eu era uma “Vadia” E, olha que ele nunca me assumiu como um relacionamento, eu não era a “ficante ou namorada” mas tinha que me comportar como tal.

Prepare-se para o festival de tortura em algumas mensagens que irei compartilhar ( Sim eu guardei as conversas, eu não apago nada do meu celular, não tô fugindo do F.B.I e eu gostava de ouvir a voz dele, que merda de voz que agora me irrita de tão de taquara raxada)

É na verdade só pra vocês sentirem o stress, de me mandar embora e de me atrair outra vez, me deixando dependente dele, claro não tem o nome do ser humano ( eu risquei, inclusive da vida) e as conversas mais pesadas guardei para usar na denuncia.

 

 

Uma certa vez, fui assistir a banda dele com amigos meus, no final um dos integrantes que eu adoro ( amigo meu agora) me abraçou e me agradeceu por ter levado a galera e tals, estava tocando um forrózinho e o cara dançou comigo por 10 segundos, nem chegou a encostar as mãos na minha cintura, era uma mão na minha mão e a outra nas minhas costas, pronto! Foi o suficiente para um barraco na frente do bar, na frente de uma monte de gente com xingamentos horríveis e eu chorando mais que uma capivara no cio. Quanta humilhação! Meus amigos ficaram horrorizados ao me verem pedir perdão por não ter feito nada! E não parou por aí, uma madrugada toda de mensagens horríveis com xingamentos que eu nunca tinha recebido na vida!

Uma semana de bloqueio e desbloqueio nas redes sociais e no whatsapp com um terror psicológico profissional, eu cheguei a perder um dos empregos na época por causa disso, pois como trabalho com criatividade pura, acabei ficando desorganizada e sem criatividade.

Como todo bom manipulador, conseguiu me fazer acreditar que a culpa era minha e eu o deixei voltar! Perdoei fácil, só porque ele apareceu com cara de cachorro que caiu da mudança, me pediu perdão com a luz apagada, depois de um boa noite de você sabe o que.

Sabe, aquele pedido de perdão cheio de “eu fiz isso porque você fez aquilo” Só por Deus! Como eu fui otária! Era só mandar uma bosta de música com uma frase tosca que eu me derretia! Peguei ranço de Phill Collins rs

E a situação de ciúmes possessivo continuou, não parou ali. Foi só piorando. O desrespeito foi aumentando. E eu, totalmente envolvida, aceitava como um erro meu! Eu postava meus vídeos de aula de dança do ventre e o ser vivo mandava o print da minha publicação com a frase ” Rebolou bastante hoje pra camera” ? E eu achava fofo, ah, que lindo tem ciúmes porque gosta de mim ILUDIDA. Foi um inferno de janeiro a junho quando ele “terminou” comigo. Eu adoeci! Literalmente! Fiquei três semanas com sinusite que não sarou com remédio nenhum, e uma coceira que me deixou com feridas tão profundas, pois é, fiquei até com cicatriz! Fiz exames e não havia problema nenhum, a não ser emocional! Eu era viciada nele! Eu não conseguia ficar em casa, ia pra casa dos meus pais. Ô Fase! Que durou quase um mês fora de casa!

Quando eu estava melhor, o embuste voltava com cara de cachorro que caiu da mudança, dizia estar envolvido demais no trabalho, com problemas em casa e blábláblá, disse que até estava em depressão e a trouxa aqui acreditou por 5433256 vezes!

Estando eu bloqueada nas redes sociais todas e sem amigos em comum, sim, ele reclamou e eu desfiz amizades, mal sabia que ele estava era namorando e vinha aqui quando brigava com a namorada. ELE ME USAVA! Como sempre usou. Eu sempre o aceitava na minha vida, passei o ano passado quase inteiro esperando por ele. Era sempre a mesma coisa… todo mês praticamente!

FB_IMG_1517867578900 (1)

Até que na última vez em Novembro do ano passado ele exagerou, simulou uma depressão forte disse que ia se matar, e eu cai na conversa, cheguei a chorar e pedir ajuda para algumas pessoas conversarem com ele “orarem por ele” eu chorava com o coração quebrado achando que “o grande amor da minha vida” estava doente precisando de ajuda e eu morando longe não podia fazer nada ( ri de mim agora, que vergonha de mim) Mano, mano, ManoOOOoooo eu cheguei a mandar um texto por dia por alguns dias para “ajudar o cara a se sentir melhor” eu realmente achava ele um cara incrível e não merecia sofrer ! (Novela mexicana do $##&) Porque era uma cega! Parava a minha vida para tentar fazer algo de bom para ele! Quanto tempo perdido! Tempo que poderia ter sido gasto comigo!

Bom, mas por causa desse episódio eu decidi stalkear, ah cara, você foi mexer com a “mina da internet” cheia de amigos que usam tela preta, hackers. “Matrix” rs

Ô Estupidez! Foi a primeira grande burrice “subestimou a minha inteligência” e a segunda foi brincar com um assunto que para mim é tão sério “depressão” Foi stalkeando que eu descobri que nunca havia terminado namoro, nunca teve depressão, e pior tinha uma legião de meninas que estavam passando pelo mesmo que eu! Eu achando que tinha exclusividade do boyzinho quando na verdade um monte de menininhas e mulheronas recebiam as mesmas músicas, mesmas bostas de coraçõezinhos com aquela cor do inferno! Passavam pela mesma tortura psicológica e ouviam as mesmas acusações mentirosas! Ah Mano, estressei! Fui atrás de cada informação, e graças a Deus as meninas me apoiaram e me ajudaram a esquecer esse ser vivo (Ser vivo sim, porque não pode ser humano)

Elas já haviam superado e me ajudaram a superar! Minhas heroínas, aprendi a respeitar e a ter amor por elas. Se você assistiu aquele filme “Mulheres ao ataque” pensa que foi mais ou menos aquilo! A gente se uniu e foi para eu ter ajuda! Hoje as adoro demais e as quero perto de mim ❤

Bom, daí eu fiz uma merda bem grande e acabei chamando a atenção do mininu! Que veio com os dois pés nos meus peitos. Daí que eu peguei nojo! A pessoa só faz merda e quer ter razão. Quer pagar de santo , dono da verdade, moral e bons costumes. Foi de um jeito egoísta sim, fiz merda sim, pra consertar foi “uó” mas foi essa merda que eu fiz que me ajudou a desapegar de vez!

Ah, que delícia voltar a enxergar! O ridículo acha que fiz o que fiz para ele voltar, aff! Ainda ousou me perguntar ” É muito ruim ser chutada por isso você fez o que fez” (Kkkkkkk)

Sério, eu fui chutada? Mano, se eu não tivesse descoberto tudo porque eu quis e não tivesse “barracado” você estaria voltando até hoje para se lamentar, mentir e me usar! Quem não quis fui eu. A dona da porra toda! Era só ter fingido demência que estaria aqui até hoje aceitando ser a outra, ter migalhas e trancada no meu quarto com a Netflix.

FB_IMG_1517867243491 (1)

E ter migalhas do que? Daquilo? O que e quem era aquilo perto do que eu sou? Hoje eu sei bem quem sou “meu bem” Um mulherão de 38 anos, independente, nível universitário, com muitos diplomas, muitos carimbos no passaporte, três empregos, uma filha, propriedades, carro, meu dinheiro, outro idioma, muitas conquistas, muitas derrotas, muitos recomeços, nenhuma preguiça, nunca me escondo atrás de nada pra justificar as merdas que fiz , ou faço!

Enfrentei divórcio, depressão, doenças e acidentes fodas! Situações que me tiraram o chão. E você ? O que tem para oferecer pra uma mulher que tem tudo? Que enfrenta tudo? NADA! Nem coisas que o dinheiro compra e nem coisas que o dinheiro não compra! Porque se tivesse caráter já estava bom. Eu já tive alguém com dinheiro e não é o que me encanta, senão nem teria ficado com alguém como esse boy! Escrevi isso antes que achem que eu procuro um homem rico pra terminar de carimbar meu passaporte! Porque eu bem posso trabalhar para conquistar isso! (Desculpa aê só tive um momento eu me amo, rs)

Foi ruim de tudo? Não! Porque despertou em mim algo maravilhoso. Enxergar que a felicidade não está em encontrar um cara pra estar ao meu lado, mas está em mim! Em fazer coisas que eu gosto! E eu nunca tinha feito isso antes. Fazer coisas sem me preocupar com a opinião dos “caras” se eles gostam ou não. Se eu gostar, tá ok.

Eu saio pra onde quero, com quem eu quero, a hora que eu quero, faço o que eu quero! Eu aprendi a ter liberdade e felicidade em mim mesma. Dá ruim as vezes, sim. Mas sair sem a pretensão de ter que estar com alguém ou a procura de alguém é maravilhoso! Eu saio pra caramba com meus amigos e amigas apenas para curtir meu rockn roll. Eu estou vivendo por mim! Quando estou com minha filha a preocupação é ela, quando estou sem a minha filha eu quero é viver minha solteirice* deliciosamente. Aproveitando para experimentar as coisas que ainda não tinha experimentado, lugares novos, pessoas novas, risadas novas, músicas novas, gostos novos, cores novas.

Nunca fui tão feliz em mim mesma! Estar com um cara hoje é mero detalhe. Estar com amigos é essencial! Eu sofri pra caramba até decidir que tinha que acabar com aquele episódio da minha vida. Foram sim os conselhos das amigas e amigos que me salvaram! Foi dar ouvidos! Sabe, eles e elas sempre me falaram ” esse cara é um bosta” “você está num relacionamento abusivo” “Ele não te merece” “Ele só não te bate” “Não aceite essa humilhação”

Foi fácil Rê essa fase? Nada fácil, eu era viciada nele, adorava o cara, só olhava as qualidades que hoje vejo que nem existiam! E na verdade hoje eu o acho até feio, bem feio, sabe… quando você percebe o intelecto ruim, o caráter ruim, o cara pode até ser bonito, mas quem vive de madeira é cupim (rs, entenderam a piada né) Beleza não se põe na mesa, verdade também! E quantas vezes eu dizia para as amigas : Gente, tô na bad, pensando no EXTRUPICIO e elas me ajudavam, Ufa! Nunca mandei uma mensagem pra ele depois disso! Nem bêbada!

As meninas falavam, você vai ver o primeiro cara que você conhecer vai ser bem melhor que ele. Sabe, poder conversar sobre tudo sem stress, que alívio! Não tem nada melhor do que um cara que sabe conversar! Paz! que paz! Essa paz de encontrar quando dá e conversar e rir e ser leve e sentir falta da conversa em primeiro lugar! Não tem preço! Inteligência é o que deixa um cara sexy 😉 É o que eu quero num cara agora!

Enfim! Se você se identificou em alguma parte, você está num relacionamento abusivo e se precisar de ajuda, estou aqui, sei bem o que é, sei como dar passo a passo até deixar o vício. Saiba, você não o ama! É vício, ele é bom com as palavras, em te deixar encantada “com o nada que ele te oferece” em te fazer acreditar que é a única, em te fazer acreditar que ele é bom demais para você por isso você precisa aceitar a humilhação , ele é bom em te fazer acreditar que precisa dele. Você não precisa! E vai conseguir se livrar! E será ótimo!
Aliás a Lei Maria da Penha não é só sobre “apanhar” de um cara.
Violência Moral e Violência Psicológica também cabem na lei. Ligue no 180 se informe e denuncie!

Pra acabar que tal uma música que me ajudou muito? Com Vocês IDGAF da Dua Lipa.

Vale o play:

Espero que tenham gostado, espero ter ajudado! Mais de um mês escrevendo…uffa terminei!

Um beijo

Re Sanolli

2018-01-27-16-58-59-5131227916744.jpg

(Ps: tenho provas de tudo que escrevi e só preservei a identidade do cara pois o processo da minha denuncia ainda não foi concluído )

[Viver] Ano Novo , Vida Nova

Comecei o ano numa loucura, mas graças ao bom Deus tudo se encaixou!E para você que acha que eu estou #Sofreny , só por causa dos posts anteriores, keep Calm…

O coração? O coração tá ótimo! Eu sou dessas que para preencher o coração não é necessário um “Amor” desses entre “Homem e Mulher” se eu tenho amizades boas tá ÓtEmo! É só voltar um pouco e ler um texto que escrevi há um tempo atrás, continuo a mesma! (https://rejanesanolli.wordpress.com/2017/03/02/just-me-caderninho-de-perguntas/)

Talvez não faça sentido para você que precisa estar com alguém, eu tenho outro tipo de alma, gosto de pessoas, tenho as melhores pessoas ao meu lado! As vezes aparece uma ruim, mas nunca ficam muito tempo ( Deus me defenderay) E posso te dizer com toda certeza do Mundo, ter a filha que eu tenho e a família que eu tenho é o suficiente para conseguir recomeçar milhares de vezes bem!

Enfim, esse texto é só para afirmar que eu estou muito bem, passou a fase ruim.

Eu sou intensa né gente amo muito, sofro muito mas me recupero muito rápido também!

Aprendi o que com toda essa loucura que foi 2017?Aprendi que eu realmente me amo!

Essa loucura toda que sou eu, essa vontade imensa de viver, de rir, de conhecer lugares, pessoas, gostos diferentes, essa pessoa livre que eu sou e detesta gente segurando minha vibe! Odeio com todas as forças gente que me puxa pra baixo, que faz de tudo um puta drama! Caraca será que dá apenas pra viver e fazer viver?

Será que dá pra ser leve? Pra que tanto drama, tanta encheção de saco? Pra que tanta cobrança e essa merda de ter que mudar o outro pra continuar amando?

Paraaaaaaaaa! Aprendi! Se você conhece alguém e seus olhos brilham por aquilo, deixa a pessoa ser daquele jeito e assim seus olhos continuarão a brilhar!

Cansada de gente chata!

Pronta para 2018 com tudo o que vier! E tá bacaninha…..

Pronto amores, esses posts pro ex capeta foram removidos,  eu os acho uma lindeza! São sentimentos puros, tudo bem que imerecidos, mas fazer história é assim. Mas, dar ibope pra quem não presta não faz meu tipo!

O que importa é que eu vivi, mesmo sendo uma grande mentira, os momentos eram verdadeiros para mim e teve muita coisa boa, bonita, legal, divertida. Aprendizado! Sou uma pessoa melhor, mais esperta!

Então, e lá vamos nós!

Um ótimo 2018 pra zentiiiiiiii ❤️💮

Um beijo dessa ruiva pra vocês

Rê SanOlli

[Homenagem] Juzinha meu Xuxu

Daí chega aquele dia que era para ser só mais um dia de inverno…. mas que se tornou um dos dois dias mais tristes do ano. Meu coração fica quebrado em mais de mil pedaços, eu fico cansada de tanto chorar de saudade. Você não está aqui  

EU E JU DANÇANDO

Pessoas valem muito mais do que coisas! Daria tudo o que tenho por um abraço!
Sempre me perguntam… se o Delorean parasse na sua frente você iria pro passado ou futuro? Eu sempre respondo futuro pois não mudaria meu passado! Gosto do resultado das coisas pelas quais eu passei! Mas uma coisa, só uma coisa eu mudaria! Iria no aniversário da minha Juzinha 😦 não teria dado importância ao que dei naquele dia e teria ido comemorar o último aniversário da minha amiga!
Por isso, NUNCA deixe de dar valor a quem merece por causa de algo momentâneo ou que não tem tanta importância! Os segundos não voltam, deu vontade FAÇA! Não está afim, você não é obrigada (o) mas mova céus e terra por quem você ama e te ama também (no fundo você sabe quem merece isso)
A resposta daquele email está entalado na minha garganta e no meu coração até hoje eu vou morrer com isso entalado, nada alivia a minha estupidez.


” Ju, me perdoa mas dessa vez, só dessa vez eu não vou, estou muito triste. Mas no ano que vem eu irei aonde você quiser”


E, não teve ano que vem. A tristeza da qual estava falando passou tão rápido e eu não aproveitei o dia dela!
Agora, tô carente, órfã sem o abraço da girafinha! E aí?
Nada pra depois, nada pra semana que vem!
Ame e deixe te amar! 

WhatsApp Image 2017-07-04 at 11.09.09

Não tenha medo do amor! Se acabar acabou, você sentiu pelo tempo que deveria sentir! Colecionou histórias! Não amar te priva de coisas incríveis!
Ame o que você faz, ame as pessoas que te fazem sorrir, ame, ame, ame e se reclamarem que você ama demais dá um beijo nessa pessoa e diz “Eu te amo” Mais amor por favor!
Daqui a pouco tudo isso acaba, o bom de se estar vivo é sentir coisas boas pelas pessoas , ajudar quando você pode! Nem tudo é dinheiro, nem tudo diz respeito a “ter”
Se pode ajudar ajude! Você faz coisas boas e elas voltarão para você, nem sempre (na verdade parece que quase nunca) virão daqueles por quem você fez coisas boas, mas quando você precisar vai aparecer aguém pra te fazer o bem!
Se puder dizer coisas boas, diga! Se puder gastar seu tempo acrescentando bondade na vida de alguém, use seu tempo! Incentive as pessoas! Mostre como elas podem melhorar!
Seja ser humano de verdade!
Nunca é bom se arrepender por não ter feito algo que deveria!
Hoje eu só queria um abraço seu Juzinha  eu sei que iria sarar toda a dor que sinto por coisas que queria te contar… queria tanto você ao meu lado. Queria te ligar e contar minhas dores e minhas alegrias, queria sentar no seu portão mais uma vez! E naquela calçada deixar nossas histórias hilárias …coisas que só aconteciam com a gente. Acabar a gasolina do carro tinha graça quando você estava comigo! Errar coreografia, rir no meio de uma apresentação….tudo era Incrível ao seu lado!

12744216_1268470943169380_8916531991545599700_n

Sinto sua falta quando acontece algo incrível e queria que fosse a primeirinha a saber. Sinto sua falta quando acontece algo triste e eu só queria te contar, ver seus olhinhos de sono piscarem, sua cabeça ficar meio de lado e sua boca entortar um pouco, daí você me abraçava e dava um soquinho no meu ombro. Me deixava falar, falar, falar ….
Sinto sua falta quando meu dia é comum e poderia ser melhor com um de seus emails toscos com gifs bem bestas. Ou uma cartinha com montagem de fotos bacanérrimas.

Queria até brigar com você, espera… a gente só brigou de verdade uma vez! Como você conseguia? Como conseguíamos? Tá, música era meio que um motivo de discórdia, rs
Queria dançar com você outra vez, queria cantar com você sem brigar pra escolher a música, rs

Queria que soubesse que sua “xará” a Juju é muito parecida com você. Meiga, doce e engraçada! Tem as pernas bem compridas…vai ser girafinha que nem você! Isso é incrível! Presente de Deus para mim. Mas seria melhor se você estivesse aqui, ela teria outro nome e eu teria você!

Eu te amo xuxu, nêga, girafinha… Juzinha! Sinto sua falta por tantos motivos…. e te amo por tantos outros. Seguirei te amando até meu último suspiro e quando isso tudo acabar quero estar  com você te deixo escolher a música pra gente dançar, só não prometo “não fazer careta” mas eu danço! O que você quiser , do jeito que quiser, com a roupa que quiser… se no final a gente tiver dado muitas risadas e eu puder sentir seu abraço outra vez eu nem ligo pro que estiver tocando!

Te amo,
Te amo muito
Te amo tudo!
Sinto sua falta! Cada ano, cada mês, cada semana, cada dia, cada hora, cada minuto, cada segundo… cada tudo! Você foi a pessoa mais incrível que conheci, que mais conseguiu me cativar 

8 anos sem você, 8 anos quebrada! Porque uma coisa é alguém escolher sair da sua vida, outra é alguém ser arrancado assim… sem explicação! Não tem como se recuperar…superar. You will always on my mind!

E como a gente dizia

Te Lov Xuxu

16832248_1623916107624860_2420244449970699223_n

Pra sempre sua amiga doidinha

Rê  Sanolli ❤

 

[Just Me] A Dança do Ventre e Eu

Eu tentei fugir, mas a dança me encontrou e me levou para um lugar onde eu jamais pensei em chegar!

Dunas 219

Era outubro de 2014  eu estava enfrentando uma depressão forte, minha estima estava mais baixa que bumbum de cobra (rs) não tinha mais o que fazer, os remédios já tinham feito o papel deles, minha médica já me avaliava como “bem” e nada de eu querer colocar o óculos e me enxergar no espelho “sério” eu não usava óculos porque não queria me olhar.

Por causa de remédios eu engordei demais e me odiava! Eu usava calça de moletom e camiseta larga, era horrível! Engordei demais leia se, eu pesava 50 quilos com 1,68m e agora estava com 70 quilos, pra mim era o fim da vida! Nem era pra tanto, mas nós mulheres aprendemos a ser cruéis com a nossa própria imagem desde muito pequenas.

Lá estava eu na sala da minha médica, chorando as pitangas ! Como ela nunca passou a mão na minha cabeça, veio com mais um Hadouken: “Se você não começar a fazer aula de dança do ventre eu não te atendo mais”

11378201_694159350715463_217659449_n

AHHHHHHHHHH, surtei! Como assim? Ela não me respondeu mais nada e disse, me traga a matrícula na próxima consulta ou thaw!

Caramba, eu nunca tinha feito aula disso, que merda! rs

Na proxima quarta feira fui fazer uma aula experimental, foi horrível, claro, mas eu não queria parar o tratamento então, me matriculei. Nossa, como foi difícil para mim, sinceramente eu achava que jamais aprenderia! Minhas mãos e braços duuuros por causa do ballet, eu fazia tudo como bailarina, não conseguia aquela “malemolência”* toda, voltava cheia de dores e muito brava!

Só que isso era o “por fora” o menos importante! (Pausa para chorar só de lembrar) … Eu ia para a aula parecendo um “chupa cabra” horrível de moletom, camisetão, cara feia, mal falava! Assustava a professora  (e agora amiga) Yeda “coitada de você” eu era o vulto de preto no fundo da sala né miga!

Mas aos poucos, consegui ir um pouco mais pra frente da sala, fui colocando uma legging, top e em três meses estava usando batom vermelho e me olhava no espelho! A minha dança não era nada boa mas por dentro eu estava sendo curada, me aceitando, me libertando! Viva a dança!

12592233_1251270561556085_5609239183795731789_n

Viva a dança e as amizades que ela me trouxe me fizeram sorrir outra vez, eu não via a hora de chegar o dia da aula! Queria minhas amigas, aquela música estranha e aprender!

Agora já tenho alguns espetáculos na minha história, apresentações por aí e o mais bacana, dancei até no DUNAS tá queridinhas, meu solo de improviso, minha coreografia (cheia de erros de execução/merda) e isso me enche de alegria, eu superei uma depressão e muitas dificuldades de aprendizado.

 

Sabe, a dança é para mim CURA! Não consigo usar outra palavra para descrever, pois isso é a minha verdade com a dança do ventre. Sou extremamente apaixonada por dançar! Defendo com unhas e dentes o fato de que a bailarina de dança do ventre NÃO É VULGAR! Nós dançamos para mostrar arte e não a nossa bunda tá! É sensual, mas não vulgar! Aprendam!

Agradeço a Deus pela vida da minha professora e muito amiga Yeda, você é incrível amiga, quando você dança as estrelas brilham mais. Agradeço a cada amiga que fez parte da minha história na dança, Karla, Natasha, Poliana, Mariana, Marcia, Fábia…nossa, vocês são meus amorezinhos pra sempre, conviveram com cada etapa doida e triste da minha vida, e agora suas bestas tinham que sair bem quando eu estou feliz né, sua chatinhas, quero que me vejam lacrando migas, voltem!

Queria também dizer que as melhores bailarinas são as da sua escola Maria, caramba, eu piro em nossas apresentações! Somos demais! Parabéns pela sua escola viu 😉 You Rock!

Nossa, quanto amor envolvido! rs

Então pra acabar essa mini série, rs

Feliz dia Internacional da Dança para as belly amigas lindas e parceiras do meu dia a dia! Amo vocês amigas!

Beijos

Rejane Sanolli

WhatsApp Image 2017-04-29 at 15.07.33

[Just Me] Caderninho de perguntas

Eu sou o tipo de pessoa que adora conversar. Adoro gente de verdade! Sou praticamente um livro aberto (com muitos analfaBestos tentando ler, rs)

16387049_1596488260367645_5690049806881786744_n

Durante essas semanas participei de uma brincadeira bem engraçada com alguns amigos (as) apenas perguntas e respostas. Mas foi bem interessante lembrar “qual o meu sorvete favorito” rs. Mas, o mais legal foi começar a relembrar coisas sobre mim que ficam “de lado” sonhos ainda não realizados, coisas que amo ou detesto. Momentos tristes que aconteceram mas que me fizeram aprender coisas importantíssimas. Coisas engraçadas e que só de responder as perguntas, me faziam rir muito outra vez!

Bom, daí eu tive a ideia de “ressuscitar este blog” e escrever o que é que eu penso sobre mim. Algumas qualidades e defeitos que fazem parte do meu todo. Atualizar meus milhares de fãs (rs) sobre como está minha vida de celebrity e responder algumas das perguntas *dozamigos(as)

Nossa, não sei quem lembra, mas na época de escola tinha um caderninho com essas perguntas, rs. Era ridiculamente bacana, as meninas faziam na verdade para descobrir o gosto dos gathénhos, rs (contei o segredo) e eles respondiam! As amigas respondiam e iam fazendo de tudo até chegar no “boy” Só pra constar eu não tive um! Estava ocupada demais assistindo cavaleiros do zodíaco e num amor platônico pelo Axl Rose e ao mesmo tempo pelo Sebastian Bach… sem contar pelo Bon Jovi

Tá, já contei a minha vida de forever alone “no amor” durante minha adolescência, rsrs Muitos amigos, nenhum boy! Mas eu sobrevivi! E na Faculdade continuei besta! Claro, tive que me apaixonar logo no segundo ano e arrastei isso até o final da faculdade (trouxa! muito trouxa! extremamente trouxa!) mas eu aprendi, não! Mas, confesso aDOOOOOoooooooooRo essas bads no amor, rendem histórias bacanérrimas e eu sou uma mega colecionadora de histórias, as pessoas não sabem mas um dia quero escrever um livro!

Tá, azar no amor, sorte no azar. Mas algo que eu nunca posso reclamar é falta de amigos e do que fazer. Dizem que é essa coisa de signo, pois é “Sagitário” festeira e cheia de amigos, livre e blábláblá ( não acredito totalmente nisso mas que algumas coisas são super certas, ah sao!)

Coisas tristes, bom.. o tiro no pé esquerdo foi muito triste, foi perder a minha carreira né, que agora tô correndo atrás de reconquistar. Ah, sim. Levei um tiro acidental no meu pé esquerdo no último semestre da faculdade de Educação Física, foi uma M* bem no topo do Tálus e perdi minha articulação inteira, eu estava lecionando dança em uma comunidade carente “era exatamente o que eu queria da vida” e deu ruim…. fazer o que. Pior que fiquei com dó de mim e deixei o tempo passar apenas, deveria ter arregaçado as mangas e continuado, que BESTA! Bom, mas passou! Se eu suportei um tiro no pé…Rá! Suporto pés na bunda e outras coisas, então não sou vaso que se quebra fácil!

Mas a coisa mais triste na minha vida foi perder minha melhor amiga, a Juliana… nossa. Isso é INSUPERÁVEL ! Perder o bb foi triste mas numa escala de 0 a 10 perder a Juzinha foi 10 e o bb 3. Deus sabe que não era hora de ser mãe, e que realmente nem tenho mais o sonho de ser mãe, a Juliana já preenche meu coração! Claro, se eu amar alguém e ele não puder passar por essa vida sem ser pai, a gente conversa..

Alegrias, ser mãe, claro! Dispensa explicações. Quem me conhece sabe, nunca quis casar e me vestir de branco e todas aquelas coisas fofas, mas ser mãe eu sempre quis. Consegui! Rá! E se eu tivesse encomendado, não teria vindo alguém tão especial quanto a minha padawan, ela é tudo o que uma mulher como eu gostaria de ter! E eu estou me saindo bem como mãe, ela é inteligente, educada, engraçada, meiga, amOOOoooooooooo (e eu sou uma mãe bruxa!)

Coisas que odeio: ODEIO o fato der ser filha de pastores e irmã de pastor. As pessoas acham que eu tenho algum tipo de super poder ou que eu devo ser melhor do que elas, e e por eu agir como uma pessoa normal, ficam futricando minha vida, falando mal, aumentando notícias, inventando outras, isso é RIDÍCULO! O que conseguem é me afastar desse tipo de ser vivo que se denomina “crente” e olha, eu vou sim em uma igreja e graças a Deus lá, me tratam normalmente “costumam perguntar o que está acontecendo e ficam com a minha versão e não com as dos fofoqueiros” mas o zé povinho gospel puxa saco do meu pai “deuzolivre” me vêem numa foto feliz “nossa a filha do pastor tá aprontando” me vêem numa foto num bar “nossa a filha do pastor tá na balada” claro, e enchendo a cara e pegando todos os caras lá viu , anotem aí! Se está na internet é verdade 😛 Quem me conhece sabe que eu sou da Zoeira e não da pegação seus *$#@&*

Aliás, não me coloquem na caixinha de vocês, a minha crença em Deus é baseada no que EU vivo com Ele, minha história! Coma um quilo de sal comigo escutando minha história daí você vai conseguir me entender! Eu curto Deus, o respeito e se não fosse o tipo de relacionamento que tenho com Ele não aguentaria 1/10 do que já aconteceu na minha vida.

Sou cristã, bebo meu vinho quando dá vontade (mas não fico *Bêuda tá) sou Belly Dancer, sou bailarina de Stilleto “SOU BAILARINA” então danço várias coisas Bênhes! E não acho que isso me afasta de Deus. Porque acho que ” NADA QUE A GENTE FIZER OU DEIXAR DE FAZER AFASTARÁ O AMOR DELE POR NÓS OU O FARÁ NOS AMAR MAIS” Ele já nos amou, já nos escolheu e não é um homem babaca, é Deus! #Xupa #engulaissosociedade

(nossa, momento revolts)

Coisas que amo: Música, dançar, séries, filmes, gente, gente outra vez, conversar. Ah, e muita comida porcaria, pizza, doces, hamburguer… Junk Food! Escrever também, eu adoro meus trocentos blogs que tenho! As vezes acho que deveria me expor menos pra galera parar de inventar minha biografia, mas escrever é algo que me faz tão bem e são tão poucas as vezes que isso me causa algo ruim, que eu acabo continuando. Fazer o que é %$#@ ter fãs revoltados 😛 Quando sair minha biografia darei uma copia autografada para estes 🙂

Enfim, sou uma menininha muito fofa, apenas com quem eu quero e enquanto a pessoa não quiser usar o fato de eu ser legal para me ferrar, daí já era #Dracarys

Amigos para mim são jóias precisosas e nunca medirei esforços para ajudar. Cadê os amigos para confirmarem que sou incrívelmente bacana?

Ah, cansei, esse post tá todo cagado, acho que perdi o jeito do negócio!

Para deixar a coisa mais fofínea, bóra de textinho lindo? Quem é a Rejane por Rejane?

Já fui romântica, boazinha, muito tímida (sério) e também santinha, mas hoje sou um ser indefinido, sou o que quero a hora que quero e entre o certo e o errado faço o que quero! Pois cansei de fazer o que diziam que deveria CHEGAAAAA!

Me apego fácil, gostei de você pronto, movo céus e terra para te ajudar! Mas não se engane eu desapego rápido porque de menina doce e frágil para mulher decidida é um estalo de dedos.

Nem sempre direi aquilo que você deseja ouvir, vou falar o que acho que precisa, ás vezes com uma ternura gigante mas outras vezes vou te deixar até arrepiada (o) com minhas observações desconcertantes e francas. E quando você menos esperar te direi coisas tão maravilhosas que te farão dançar sem precisar de música! Posso sarar sua ferida com um assopro e um beijinho ❤ faço mágica com o amor que sinto por quem merece esse amor exagerado! Mas não vem grudando em mim não tá, abraços ECA difícil quem consegue!

( migas vocês tentam, eu sei, rs)

Para algumas pessoas sou a mais estúpida dos seres vivos e humanos, para outros uma mocinha adorável ( claro né, trato do jeito que merecem detesto injustiça)

Sou aquela que ri de qualquer piada e se diverte com pouca coisa….sou engraçada e tenho um circo dentro de mim, mas que se a parada é séria eu paro o Mundo para te ouvir! Sou estabanada, um pouquinho avoada, onde passo derrubo coisas e me machuco em tudo quanto é móvel da casa, vivo com os joelhos e quadris roxo!

Tenho a mania de me assustar com tudo, sabe motivos bem tolos, pois é. Mas, na hora que o Mundo está desabando aparece uma força do nada, ah, e eu choro…muito, mas é só porque preciso aliviar minha dor 🙂 é só dar 3 tapas na cara que passa!

Sou cheia de gostos, manias, reações estranhas, totalmente fora do comum, não consigo esconder meus sorrisos, na verdade eu não escondo é nada, transpareeeeente demais! Falo pelos cotovelos, mas gosto do silêncio para pensar na vida, nas merdas que fiz e para planejar as merdas que vou fazer

Sou aquela que se magoa fácil e perdoa mais fácil ainda (TROUXA) a orgulhosona que reconhece os erros logo logo. A pessoa paciente mas ansiosa, então…

Não tente me entender, rotular, não tente me definir, sou uma pessoa comum e gosto do simples mas não sou uma pessoa qualquer não me compare!

Prazer, Rejane SanOlli 🙂 uma flor de caqui

Um beijo, espero que tenham gostado!

Rê ❤

img-20170228-wa0024

[Desabafo] Gestação Interrompida

Descobri que *estava grávida há um mês atrás. Nada planejado. Um tratamento com antibióticos e buuummm engravidei

.lagrima

Tive medo! Sabe, quando se planeja uma gravidez a gente toma vitaminas, deixa o cabelo voltar a cor natural, muda a alimentação.
Eu não havia feito nada disso! Ah, quanto medo do meu corpo não estar preparado!
Mal me acostumei com a notícia e veio a bomba…. o feto não se formou 😦
Pronto, meu mundo desabou. O que eu fiz de errado?
Estava tudo ali, perfeito. O saco gestacional e etc, nenhum deslocamento, descolamento, sangramento. Mas o embrião não se formou!
Junto com minha médica maravilhosa Dra Danysa Nascimento insisti uma semana, quis fazer outro ultrassom. Pedi para Deus me ajudar!
Mas que fosse feito a vontade dEle. Ninguém além dEle sabe do futuro (esta é a minha fé)
Pedi a oração de algumas amigas…da minha família.
Mas, as coisas não foram do meu jeito.
Entrei na sala do ultrassom chorando muito.
Minha filha é quem segurava e beijava a minha mão enquanto eu soluçava ao ver aquela imagem vazia. Minha mãe ao meu lado sem saber o que dizer.
Poxa, perdendo algo novamente?
Eu tenho colecionado muitas tristezas!
Injusto?! Por que comigo?!
Eu sou uma boa mãe, amo crianças!
Por que? Por que?
O médico ficou totalmente sentido, a enfermeira chorou comigo.
Mal conseguia falar para a outra enfermeira que eu precisava passar em consulta.
Entrei chorando na sala da médica e como ela foi doce ao me explicar.

rosa

– Moça, não é culpa sua. Não foi nada que você fez ou deixou de fazer!
Desabei! Pois eu já tinha pensado em mil coisas que poderia ter feito ou não para “causar” isto.

Será que foi porque eu não fiquei tão feliz quanto deveria ?

Será que foi aquele chá? Sabia que tinha canela e mesmo assim bebi!

Será que foi o sal de frutas que bebi demais? 

Será que foi porque eu peguei peso?

Será que foi porque eu dancei demais grávida?

Será que foi por eu não  estar conseguindo me alimentar direito?

Será que foi o vinho que bebi? 

Será que foi por causa dos remédios que eu usava?

A culpa é minha!A culpa é minha!


Fiz parte dos 25% das mulheres que não conseguem levar uma gestação até o fim. Isso não alivia muito o coração, mas já ajuda.
Ver o real fim desta experiência foi muito triste.
Terminei minha jornada com a curetagem uterina. Me senti triste por ter que ter passado por isto. Mas, assim é a vida. Nem sempre flores, aliás muito mais espinhos.
Senti o cuidado de Deus o tempo todo aqui no Hospital. Todas e todos me trataram com muito amor no coração.
Deus é bom, em todo o tempo Deus é bom comigo.
Não o deixarei, ao contrário eu O amo mais ainda!
Quem gostaria de saber notícias, foi tudo bem! Eu estou bem!

recomeço

Sabe, meu pai tem toda a razão no que me disse, Deus me livrou tantas vezes da morte, desde bebê. Eu preciso olhar para o lado bom da minha vida! E é isso o que estou tentando fazer “ser grata”
Quantas lutas passei, e tô aqui de pé! Esta é mais uma e não estarei só!
Não me senti só!
Quantas amigas que souberam desta fase oraram por mim. Meus pais e filha ao meu lado!
Isso é tão precioso!
Obrigada amigas, família por se lembrarem de mim enquanto oravam a Deus. Obrigada por terem desejado o meu bem. Eu estou bem!
Não vou mentir, triste sim, mas não desfalecendo.
O que nos fortalece é Deus através da bondade das pessoas!
Que Ele retribua a bondade dos meus amigos para comigo!

Um beijo

Rejane Sanolli

re bd

[Desabafo] Vingança X Justiça

Quantas vezes você passou por uma situação em que você realmente sentiu vontade de se vingar de alguém? Pois é, eu também já….ainda bem que só foi vontade!

seu madruga

Sim, podem me apedrejar! Eu já quis saborear um bom e belo prato de vingança Muáháhá e não foi só por uma vez. Todas as vezes que alguém foi injusto comigo ( eu costumava ser aquela trouxa que achava que todo mundo me amava e era meu amigo…que o Mundo era lindo. Só me ferrei!) TODAS as vezes eu desejei ir lá e usar do que eu sabia para me vingar e “Dar na cara da pessoa” Hihihi

Maaaaas eu nunca fiz, antes eu achava que era porque me faltava coragem “tipo, sou trouxa mesmo” “depois a corda vai estourar pro eu lado (porque eu sou trouxa)” Mas hoje eu sei que foi Deus mesmo me abençoando e me ensinando a perdoar.

Foi quando eu percebi que algumas pessoas que tinham feito coisas contra mim “por pura maldade, inveja…sei lá” tinham provado daquilo que fizeram, e que brutalmente usaram de mentiras para conseguirem.UAU!!!

Claro, demorou pra caramba, toda vez que eu me lembrava queria fazer do meu jeito e foi difícil SEMPRE FOI DIFÍCIL :/ mas ali eu vi e senti o gosto de algo muito melhor ” A Justiça ” ou ” A lei da semeadura”

semeadura

Isso é incrível! Pelo menos comigo está dando certo, não pense que eu sou a diferentona que só é injustiçada e nunca fez besteiras e por isso tem a vida linda e fofa…pelo contrário eu tô colhendo coisas erradas que fiz também, e  isso me deu aquele tham de “detectar” quando estou colhendo as M* que fiz e quando alguém está sendo injusto comigo e então eu “quase fico de boa” rs para uma ansiosa 100% isso significa muito!

Enfim, quero começar este ano deixando algumas palavras minhas para vocês que já passaram ou estão passando por isso 🙂

 

Que 2016 seja um ano bem sucedido.
Às vezes o “sucedido” vem depois de lutar e ficar machucado, de gastar toda sua grana, de perder algumas coisas pelo caminho.
Parece que nos sentimos bem sucedidos apenas quando tudo dá certo “do nosso jeito” com flores, músicas e sorrisos pelo caminho.
Não se desanime, não desista e nem pense que já acabou… que você foi derrotado ou é um derrotado só porque as coisas não estão “lindas” PERSEVERA! Coisas ruins acontecem com pessoas boas…. Mas não se esqueça, tudo o que você planta, você colhe.
Então seja honesto, bondoso, agradecido e generoso.
Não humilhe, roube, traia, vingue para conseguir o que quer.

Não passe por cima de tudo, todos e faça de qualquer maneira só pra conseguir o que quer!
Vá pelo caminho certo, às vezes você terá a chance de usar da vingança.. Mas escolha a justiça.
Pois a vingança é cheia de maldades mas a justiça é apenas a pessoa colher por si só o que plantou.


Então, que 2016 seja um ano que vocês vivam de justiça, paz, amor, alegria e sucesso.
Que Deus os abençoe! 
Um beijo and Let’s Rock!

re bd

 

 

 

 

 

 

 

 

[Tutorial]Como fazer uma bengala de Said

Você é uma bailarina  de dança do ventre que curte artesanato? Então bóra aprender a fazer uma bengala para você dançar a dança folclórica Árabe maravilhosa, o Said.

workshop de Said

Tá, confesso eu detesto fazer artesanato, sou péssima! Tenho uma criatividade muito boa, mas eu faço tudo torto 😦  Mas desta vez eu não tive escolha.

Uma semana antes de um Workshop daí que me toquei que PRECISAVA DE UMA BENGALA. Aqui na minha cidade só  tem uma loja de artigos para dança Árabe, liguei e não tinha, e pra ficar engraçado, o dono da loja disse para eu mesma fazer usando um cano de 3/4 preto e encapar com fita adesiva colorida. Eu ingênua pensei “nossa que fácil” Ahhh tá! Senta aí Cláudia! Começou meu estresse.

Nenhuma loja das grandes redes entenderam o que eu queria, nem desenhando :/  Já estava me sentindo um E.T quando decidi ir em uma loja bem pequena no centro da cidade, rá! O atendente entendeu de primeira…e era um fofo!

Daí que soube o que eu queria rs

  • Um eletroduto de  PVC rígido de 3/4 com 3 metros (dá pra fazer duas bengalas pois nas duas pontas têm rosca)
  • Uma curva de eletroduto de PVC de 3/4 e 180º
  • Uma luva de PVC para fazer a conexão entre o eletroduto e a curva
  • 6 metros de Fita de cetim
  • 3 bastões de cola quente
  • Strass para ficar mais chycke

 

 

Daí você precisa achar um atendente legal que corte o eletroduto, tem que ter 90 cm. ok? Feito a conexão, vem a parte da decoração. Comprei uma fita colorida, mas não achamos que não ficou legal . Então optamos pela fita de cetim.

É só ir enrolando e colando, pontinha com pontinha. O strass a gente colou em volta da luva para dar um tham naquela conexão e ficar mais delicado.

Bom o resultado além de queimaduras, rs  Foram bengalas liiiindas! Que custaram R$11,00 ( isso porque aqui em Mogi tudo é caro e compramos a fita adesiva que não usamos) Uma bengala decorada de Said na 25 de março custa r$30,00 #Chupa

IMG_20151128_124528309

O mais legal é que aprendemos tudo juntas! Minhas lindezas de amigas que tanto amo! Yeda, Natasha, Poliana, Karla, Fábia e Márcia ❤

É isso gente,  deu nisso! mãos queimadas, pessoas felizes e bengalas lindas!

1448576881013

Um beijo e até logo

Rejane Sanolli

Blog no WordPress.com.

Acima ↑